GITEGA AND VICINITY OF BURUNDI

Tags

Gitega and vicinity

The principal sights are the National Museum and the craftwares village. The national Museum contains a rich collection of exhibits depicting the Burundi of yesterday and today; its customs and traditions. Located at the intersection of the Ngozi-Gitega and Muyinga-Gitega roads, the craftwares village attracts many visitors who come to see the craftsmen producing their wares. Also in Gitega is the Gitega Art School where ceramics, paintings and sculptures are produced. Not far away, at Giheta, similar items are produced by a team of artists. Drummery performances, unique of their kind, are also put on in Gitega. Here too are to be found wickerwork and beads which are much sought-after. Giheta is an artistic center for different works in leather, ceramic ivory, wood-carvings.
Gitega é a segunda maior cidade do Burundi, localiza-se ao leste da capital, Bujumbura. É capital da Província de Gitega, uma das 17 províncias de Burundi. A cidade abriga o Museu Nacional de Burundi.
Gitega, vista panôramica do setor da Mushasha

História

Em 1912, Von Languenn transfiriu a capital de Burundi ao centro do país, sobre a colina de Musinzira na qual foi batizada Residencia de Kitega. Em 1916, os belgas receberam o controle do país de maõs dos alemães e mantiveram a capital em Gitega. Em 1962 com a independencia e sem maior discussão a capital passou a ser em Bujumbura. Nos anos 1976-1987 houve um movimento liderado pelo coronel Jean Bagaza Baptist que propunha o estabelecimento em Gitega da capital de Burundi. Gitega era preferida como capital pelos governantes europeus devido a seu clima de altitude além de sua localização geográfica equidistante de todas as fronteiras do país.